THE DELAGOA BAY COMPANY

Fevereiro 10, 2011

CARLOS ROCHA, ÍCONE DA LUTA LIVRE, ANOS 60

Filed under: 1960 anos, BOXE, Carlos Rocha — ABM @ 3:26 pm

Carlos Rocha, pugilista que disputou vários combates em Moçambique nos anos 60.

Anúncios

14 comentários »

  1. O Carlos Rocha era mais lutador de “luta corpo a corpo” do que própriamente pugilista.

    F. Ivo

    Comentar por Francisco Ivo — Fevereiro 10, 2011 @ 3:47 pm

    • Ol Francisco, verdade, eu usei o termo um bocado casualmente, vou alterar o ttulo… obrigado e um abrao!

      Comentar por Antonio Botelho de Melo — Fevereiro 10, 2011 @ 4:20 pm

  2. Por acaso já percebi a correcção feita por alguns amigos. Efectivamente o Carlos Rocha foi mais famoso na Luta Livre e sobretudo com a famosa cabeçada, se bem que tenha sido inicialmente pugilista na metrópole e só mais tarde é que abraçou a Luta também parece ter vindo da luta grego-romana.
    Quem não se lembra das organizações Gonçalves, um grande empresário moçambicano que realizou vários torneios que intitulava campeonatos de mundo em que o Carlos Rocha tinha de ganhar sempre e os adversários eram os não menos famosos: Daydone; El-Greco; Yul Breyner, entre outros em representação de vários países. Estes torneios eram realizados no pavilhão do GD da Malhangalene.
    Mais tarde o Gonçalves tentou lançar em Lisboa (finais de 70) mas não foi bem sucedido e desapareceu, com muita pena minha, sabendo que aquele empresário era um grande empreendedor no mundo do espectáculo, se tivesse sido bem acolhido se calhar hoje o Werstling americano teria um concorrente á altura.
    Enfim, Portugal é pródigo a matar prata da casa, não foi por acaso que o grande Luís Vaz de Camões, terminou a sua grande epopeia com a palavra Inveja.
    Hambanine.
    Ps- obrigado por ter partilhado estas pérolas.

    Comentar por Katali Fakir — Fevereiro 12, 2011 @ 2:18 am

    • Lembro.me perfeitamente desses lutadores, grandes noitres no pavilhão do Malhanga. Yul Breyner, Carlos Rocha, Daydone, Tarzan Taborda……….fantastico

      Comentar por Pedro Ramilo — Maio 21, 2011 @ 10:20 pm

  3. Alguém sabe do Carlos Rocha?
    Conheci-o através de uns primos que ele tinha em LM.
    E já agora, alguém conheceu os primos de LM?

    Comentar por Fernando Cruz — Agosto 27, 2011 @ 8:28 pm

    • Boa noite, também ando à procura dele, ele é primo irmão da minha avó!! da familia da terra natal: Tavira, agradecia qualquer contacto neste sentido!! sei que ele está no Canadá ou em New Jersey, EUA.

      Comentar por joao Diniz — Janeiro 5, 2014 @ 9:10 pm

  4. Engraçado ao ler tudo sobre o boxe vem-me a memória o meu Pai Ludo Ughetto que chegou a Lourenço Marques por volta de 1938- 40 ainda fez alguns combates no Ferroviario de L.Marques , mas já não era novo pelo que começou a treinar vários boxers conheceu o Santa Camarão. o Tafoi beni levi etc… foi manager e organizou vários combates no Manhagalene depois (muito mais tarde) fez sociedade com o Sr. Goncalves . Meu Pai para além do boxe ( na praça de touros organizou um combate para o título mundial) organizou luta livres , corridas de Karting bailes de fim de ano e carnava espectaculos de elusionismos etc etc…

    Comentar por melough — Janeiro 5, 2012 @ 10:28 pm

    • Olá Melough, obrigado pela nota, se tiveres fotos, recortes etc, do teu pai, terei muito prazer de colocar aqui. Um abraço, António.

      Comentar por ABM — Janeiro 5, 2012 @ 11:29 pm

  5. Recordo a minha passagem pelo Werstling ao longo dos anos 50 e 60 do século passado. Era, na época, praticante de luta greco-romana no ginásio da Fábrica dosTabacos, na rua da Cruz de Santa Apolónia e, quando este encerrou a actividade, passei para o Ginásio Clube Português, na Rua Serpa Pinto, ao Chiado.
    A minha curta carreira no Werstling ocorreu por acaso. Em 1950, na tropa, acompanhado por alguns camaradas (entre eles o Varela Silva, actor do Teatro Nacional D. Maria, já falecido), fui asistir a uma sessão dessa modalidade no Parque Mayer. Em Portugal era o período alto da então chamada Luta Livre Americana. Famosos, como o algarvio José Luís, Carlos Rocha, Saludes (espanhol), Lobo da Costa, Jaimery, o velho Manuel de Oliveira (ex-campeão nacional de greco-romana), Cruz Passos (ex-boxeur), Rebordão (irmão de Amália e tambem ex-boxeur) e vários estrangeiros faziam as delícias dos adeptos daquelas disputas acesas.
    Voltando ao meu envolvimento na modalidade, na noite a que antes me referi o Cruz Passos sobe à bancada onde eu estava com os meus camaradas e aborda-me, aflito: “É pá peço-te para vires safar uma enrascada: Falta um lutador e peço-te que o substituas!”. Atónito, recusei, claro… “. “Que não, que não percebia nada daquela modalidade que mais isto e mais aquilo…”. Claro que os meus acompanhantes logo começaram a ‘ajudar à festa’. “Vai pá, vai, vai…”.
    Ecurtando detalhes fáceis de imaginar… acabei por ceder!
    Safei-me razoavelmente, vencendo um tal de ‘J’, um matulão com mais 20 quilos que eu.
    Na semana seguinte apresentei-me à primeira ronda do campeonato nacional de greco-romana, no GCP. Surpreso, sou informado que o meu nome não constava na lista dos atletas inscritos no campeonato. Razão apresentada pela mesa do juri: “eu tinha sido irradiado por ter participado numa competição pública profissional!”.
    Resumindo, acabei por aproveitar as ofertas veiculadas pelo Cruz Passos para participar em outras sessões de Werstling que o empresário organizava em várias cidades do país. Como o dinheiro até fazia jeito pois na tropa o pré era uma miséria e lá em casa o dinheiro não abundava, pedi umas dispensas a um oficial do meu batalhão e, com nome suposto, lá andei aos saltos e cambalhotas até passar à disponibilidade, dois anos depois.

    Desculpem a extensão do comentário, mas agora com 83 anos não resisti à tentação recordar um capítulo curioso da minha já longa vida.

    Obrigado
    Luís Farinha

    Comentar por Luís Farinha — Janeiro 30, 2012 @ 6:52 pm

    • Sr. Luis Farinha, muito grato por partilhar esse episódio da sua vida, contado de forma tão interessante e com tão rico conteúdo. ABM

      Comentar por ABM — Janeiro 31, 2012 @ 7:00 am

    • Sr Luis Farinha, bons e sábios comentários nunca são longos demais. Muito grato e escreva o que quiser quando quiser. ABM

      Comentar por ABM — Janeiro 31, 2012 @ 9:59 pm

    • bom dia sr luis
      seus comentários sao os mais parecidos que li ate hoje…
      meu pai
      lutador jose de oliveira “D. PIPAS ” ídolo vimaranense
      campeao de portugal e europeu …tinha eu 1 ano (tenho cartaz desse tempo)
      tenho 60 e penso fazer um trabalho desse tempo anos 40 e 50
      alguns que me lembro…
      jose luis
      max degome
      kid max
      lobo da costa
      milano
      mateus
      manuel de oliveira
      julio neves
      barrigana
      saludes
      ruivo
      antonhy
      tony martins…

      abraçao e diga coisas

      Comentar por antoni j g oliveira — Maio 5, 2017 @ 12:06 pm

  6. Olá a todos.

    Chamo-me Ricardo Garcia, sou de tavira e gostava de recolher mais informaçao sobre o Carlos Rocha, no intuito de realizar um pequeno documentario sobre ele e a luta livre.
    Se me puderem ajudar a recolher mais informaçao ficaria muito grato.
    Deixo-vos o meu email.
    Obrigado.
    Ricardo Garcia
    ricardoapgarcia@gmail.com

    Comentar por Ricardo — Agosto 3, 2012 @ 4:18 pm

  7. Eu sou prima direita do Carlos Rocha. Os nossos pais eram irmãos.
    Infelizmente não o conheço pessoalmente, mas gostaria de me encontrar com ele um dia….antes que seja tarde demais.
    espero que ele leia este meu comentário e me contacte.

    Comentar por Maria Odilia O. Nascimento Rocha — Fevereiro 23, 2014 @ 12:12 pm


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: