THE DELAGOA BAY COMPANY

Setembro 21, 2011

NOVO LIVRO SOBRE TRINTA E UM GRANDES DO FUTEBOL DE MOÇAMBIQUE, DE PAOLA ROLLETTA, LANÇADO NO DIA 15 DE SETEMBRO

A capa do livro "Finta Finta", formalmente lançado em Maputo no passado dia 15 de Setembro, com os patrocínios do Banco Comercial de Investimentos e da empresa de comunicações Vodacom.

Para quem seguiu e segue o futebol em Moçambique, ter e ler esta obra, a cuja confecção acompanhei em parte, é quase obrigatório.

Decalco de uma nota de imprensa (que como não podia deixar de ser martelei):

No livro finta finta, publicado pela Texto Editores e prefaciado pelo escritor moçambicano João Paulo Borges Coelho [vencedor do Prémio Leya há um ano com “O Olho de Hertzog”] Paola Rolletta traça a história do futebol moçambicano através de trinta e um retratos de jogadores e técnicos que levantaram alto o nome de Moçambique em todo o mundo, desde a década de 50 até hoje.

finta finta é principalmente uma homenagem a todos os jogadores e técnicos moçambicanos, famosos e anónimos, sonhadores e fazedores da história do futebol e da nação moçambicana. Os trinta e um retratos servem de amostra de quanto Moçambique tem contribuído para o desenvolvimento do futebol mundial, desde Costa Pereira até Dominguez, passando por Matateu, Mário Coluna, Eusébio, Abel Miglietti, Shéu, Calton Banze, Tico Tico…, entre outros «príncipes da bola», nas palavras de João Paulo Borges Coelho.

A maior parte dos grandes abordados nesta obra com 224 páginas repeltas de dados e de fotografias.

Apesar do seu papel, no dia-a-dia da sociedade moçambicana, o futebol nunca teve o lugar que merece na história, mas o futebol é história. Como já bem dizia o poeta José Craveirinha, através de uma simples bola, da forma de jogar, e organizar o próprio jogo, se pode conhecer até a história de um povo.

Paola Rolletta, jornalista italiana, vive em Moçambique, onde trabalha como freelancer para diversos órgãos de comunicação nacionais e internacionais. Muitos portugueses se recordarão das suas peças na RTP enquanto correspodente em Roma.  O futebol é uma das suas grandes paixões e como não tem talento no relvado, diverte-se a escrever sobre ele.

Paolla Rolletta, no centro, acaricia o saudoso Sr. Malangatana.

O livro, com 224 páginas, em edição bilingue em Português e em Inglês, reúne um grande número de imagens e informações históricas. Os textos foram editados por Gil Filipe e Margarida Donas Botto. As fichas técnicas foram elaboradas por Cloé Ribas. A tradução para o Inglês é de Paul Fauvet. O projecto gráfico foi desenvolvido por Luciana Hees. A revisão da obra do lado da Texto Editores esteve a cargo do meu caro Paulo Pires Teixeira. Ou seja, um elenco de luxo para um tema de luxo.

O livro já está à venda em Moçambique por vinte e poucos euros.. Agora só falta chatear alguém para a obra ser vendida em Portugal e adjacências também.

Para mais informações:

Texto Editores, Lda, telefone: 258 21499071; celulares: 258 823261460 ou 258 843261460; fax: 258 21498648; e-mail: info@me.co.mz; ou no endereço postal: Av. Julius Nyerere, Nº 46, r/c em Maputo, Moçambique.

Anúncios

6 comentários »

  1. […] mais: NOVO LIVRO SOBRE TRINTA E UM GRANDES DO FUTEBOL DE … Esta entrada foi publicada em Sem categoria e marcada com a tag futebol:, grandes, livro, novo, […]

    Pingback por NOVO LIVRO SOBRE TRINTA E UM GRANDES DO FUTEBOL DE … | iComentários — Setembro 21, 2011 @ 5:23 am

  2. Foi muito bom ver que o meu pai foi reconhecido. Eu ao vir tão cedo para Portugal, nunca me tinha apercebido bem do mérito do meu pai. Obrigado por me ajudarem a conhecer melhor a vida do meu pai e assim , também eu lhe dar ainda mais valor para além do amor natural que um filho nutre pelo seu progenitor. Bem hajam. Viva Moçambique!

    Comentar por Paulo Baltazar — Setembro 21, 2011 @ 10:58 am

    • Paulo, quem sabe e conheceu sabe que teu pai estaria certamente entre os tais 31 Grandes. Se tiveres chance e umas fotografias, manda para aqui neste pequeno blogue ele estar assinalado e assim também ajudar a ser recordado – e celebrado. Um abraço ABM (PS – ele está aqui numa fotografia da Selecção de Moçambique em 1972, creio).

      Comentar por ABM — Setembro 21, 2011 @ 2:06 pm

  3. Não retirando o mérito e o direito dos 31 “heróis” que constam desta lista e as opções da autora, acho que faltam aqui 2 nomes: Carlose Pedro Xavier.

    Comentar por João Lopes de Matos — Setembro 25, 2011 @ 6:53 pm

    • J L de Matos, quis dizer Carlose e Pedro Xavier?

      Comentar por ABM — Setembro 25, 2011 @ 8:38 pm

  4. Carlos e Pedro Xavier, irmãos gémeos, foram meus alunos numa classe de ginástica do CFM. Aos domingos, eles e os meus dois filhos, sensivelmente da mesma idade, jogavam futebol no areal da Costa do Sol. Já então, como é natural, destacavam-se pela sua grande habilidade. Vindos de Lourenço Marques, vieram, inicialmente, integrar equipa de futebol da Associação Académica de Coimbra. Mais tarde, o Carlos, transferido para o Sporting, viria a notabilizar-se com jogador de grande nomeada. Julgo, se a memória me não falha, que o Pedro Xavier passou a integrar outra equipa que não o Sporting. Aqui anos atrás, em Coimbra, vi de passagem o pai de ambos tendo ambosrecordado com saudade os tempos de Moçambique. Sem saber se o recebem ou não, daqui envio um abraço amigo. Rui Baptista.

    Comentar por Rui Baptista — Setembro 30, 2011 @ 4:21 pm


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: