THE DELAGOA BAY COMPANY

Janeiro 31, 2012

PEDRO FONSECA, ADVOGADO E EX-NADADOR DO DESPORTIVO NOS ANOS 1960, FALECEU

Filed under: 1960 anos, NATAÇÃO DE MOÇAMBIQUE, Pedro Fonseca + — ABM @ 1:38 pm

Num recente convívio. Da esquerda: Pedro Fonseca, Maria de Lurdes Costa Dias, São Mestre Passos Mealha, Luis Viegas Nunes, Luis Bulha e Maria João Couceiro.

Foto de Carlos Sousa (na foto, à direita) tirada no Café Galito em Lourenço Marques já nos anos 70, com um grupo de amigos em que algures está o Pedro Fonseca (não consegui identificar).

Recebemos notícia do falecimento hoje de Pedro Fonseca, que foi nadador no Grupo Desportivo Lourenço Marques no início dos anos 1960.

Pedro Fonseca era advogado e residia na área de Lisboa.

À sua família, apresentamos as nossas condolências.

O FUNERAL REALIZA-SE  EM LISBOA NA QUINTA-FEIRA, DIA 2 DE FEVEREIRO DE 2012,  COM MISSA A REALIZAR NA IGREJA DE SÃO JOÃO DE BRITO ÀS 16 HORAS E IDA ÀS 16:30 HORAS PARA O CEMITÉRIO DO ALTO DE SÃO JOÃO EM LISBOA.

Anúncios

12 comentários »

  1. É com grande tristeza e choque que recebo a notícia do falecimento de Pedro Fonseca. Um homen de grande valor e amigo. Os meus sentimentos vão para a sua família para esta súbita perda. RIP meu amigo.

    Comentar por Alberto De Sousa Costa — Janeiro 31, 2012 @ 1:57 pm

  2. O Pedro era meu amigo! Guardo aliás com profundo carinho a frase que ele me disse quando nos (re)encontramos depois de termos estado anos sem saber um do outro, “os irmãos beijam-se”. Esta era a nossa ligação de amigos e..confidentes. Sabiamos que, desde miúdos na natação, podiamos contar coisas um ao outro que cada um de nós teria a palavra adequada para aquele momento. Pelas circunstâncias das nossas vidas tivemos hiatos em que não nos encontrava-mos, mas parecia que estavamos juntos sempre que foi preciso. Fizemos a recruta juntos, depois eu segui para os GEPs (contra o parecer dele que achava que devia ir com ele) e ele para o curso de oficiais, voltamo-nos a encontrar no antigo quartel general em LM eu já muito desgastado de uma guerra dura e “perdida” e ele mais “fresco” , bebemos um copo na messe e mais uma vez trocamos, sempre, as palavras adequadas para o momento, saí mas fresco e, se calhar, ele menos fresco.
    Hoje, que tanto precisava de te dizer as palvras adequadas…não sei o que dizer, se não:
    ADEUS MEU AMIGO, ATÉ SEMPRE!!!

    Comentar por Victor Cerqueira — Janeiro 31, 2012 @ 2:24 pm

    • O Pedro era um grande amigo, choro o seu desaparecimento com muita tristeza. Com a sua generosidade ajudou-me sempre quando precisei dos seus conselhos e serviços. Estou espantadissima com este desfecho da vida deste amigo. Ainda há bem pouco tempo falámos e nos encontrámos no Almoço Anual dos antigos Nadadores de Moçambique.
      Que grande choque apanhei hoje com esta noticia. Que saudades deixa.
      À familia do Pedro um grande abraço com muita amizade.
      Néné

      Comentar por Néné — Janeiro 31, 2012 @ 2:51 pm

  3. Acabei por falar do Pedro sem falar da família que estará em grande sofrimento. Para a família um grande abraço de comunhão neste momento tão mau.

    Comentar por Victor Cerqueira — Janeiro 31, 2012 @ 4:11 pm

  4. Como sempre nestas alturas……….não tenho palavras!!!!
    Um grande abraço para a família.

    Comentar por Maria Elizabeth Murinello. ( Betty) — Janeiro 31, 2012 @ 5:39 pm

  5. OS MEUS SENTIDOS PESARES À FAMILIA DO SR. FONSECA.

    AMIGO PERGUNTO SE, LUIZ VIEGAS, É IRMÃO DE ANA PAULA DA SILVEIRA VIEGAS, QUE MORA EM SINTRA?; PROCURO POR ELA DESDE 1975. O MEU TLM 913335336.

    Comentar por Ferreira Pinto — Janeiro 31, 2012 @ 7:41 pm

  6. Conheci o Pedro e o seu irmão Alfredo no “Galito”, em LM. Entramos na tropa em 1972 em Boane. Ele foi para os Pisteiros em Vila Pery e eu para os Comandos em Montepuez. Saí de Moçambique em Dezembro de 1977. Nunca mais o vi, até que um certo dia, talvez em 1987, num Café em Macedo de Cavaleiros, ouvi uma voz conhecida junto ao balcão e deparei com o meu amigo Pedro Fonseca. Foi uma alegria revermo-nos e cada vez que ele vinha ao Norte, encontravámo-nos. Cursou Direito e só voltei a vê-lo num programa da Tv. Telefonei-lhe e voltamos a contactarmo-nos, ultimamente pelo Facebook. Soube que tinha ido antes do Natal a Moçambique e até lhe pedi um favor,. Hoje tenho esta triste notícia, que me deixa muito abalado. Não tenho palavras para expressar a minha dor… Mais um amigo que perdi! À Família enlutada, os meus sentidos pêsames. Páz à sua Alma.

    Comentar por Victor Nunes dos Santos — Janeiro 31, 2012 @ 9:54 pm

  7. Ainda há pouco tempo estivemos juntos no Almoço dos Antigos Nadadores de Moçambique e neste momento já não se encontra entre nós. Quão efémera é a vida….. Até sempre, amigo Pedro!
    À família, os meus sinceros pêsames.

    Comentar por DULCE — Fevereiro 19, 2012 @ 1:01 am

  8. Apenas agora vi esta página, com belas frases dos amigos do meu pai.
    Obrigado pelas vossas palavras. O mais difícil passou, mas a saudade é eterna e a ausência dura e pesada.
    O meu pai deixou um grande silêncio e um grande espaço vazio, que apenas podemos ocupar com memórias.
    Guardo muitos momentos felizes da nossa vida e a memória de um pai sempre disponível, forte e de um grande amigo.

    Obrigado, em nome da família,

    Pedro (filho)

    Comentar por Pedro Moreno da Fonseca — Dezembro 4, 2012 @ 8:03 pm

    • Pedro, é muito gentil nas palavras, a memória do seu pai fica aqui para quem o conheceu e com ele conviveu no Desportivo e não só. ABM

      Comentar por ABM — Dezembro 12, 2012 @ 11:34 pm

  9. Acabei de ter a triste notícia sobre o Pedro Fonseca, que me deixou profundamenmte abalado.
    Fui seu vizinho de Lourenço Marques, na Rua Guerra Junqueiro na Polana e estudei com o seu irmão Alfredo.
    Conheci o Pedro, o Alfredo e o António bem como os seus pais, pessoas de bem e distintas.
    Estas perdas são parte de nós que desaparecem que nos entristecem e que nos fazem refletir sobre o que é vida.
    À Familia em especial à mulher e ao filho e também ao Alfredo e à mãe um forte abraço
    Marino Gomes

    Comentar por João Marino Ferrão Gomes — Fevereiro 17, 2013 @ 6:35 pm

    • Olá João,

      Os bons, quando se vão, sente-se a falta. Aqui ajudamos a recordar um pouco quem foram e o que fizeram na vida. Um abraço ABM

      Comentar por ABM — Fevereiro 18, 2013 @ 7:46 am


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Site no WordPress.com.

%d bloggers like this: