THE DELAGOA BAY COMPANY

Setembro 21, 2011

SOBRE A NOTÁVEL ENTREVISTA DE NUNO MARTINS AO DIÁRIO DE NOTÍCIAS DE LISBOA (11/9/2011)

Nuno Martins na Académica de Coimbra. Antes de ir para Moçambique.

Este texto foi gentilmente enviado e é da autoria do Sr. Prof. Rui Baptista.

A propósito desta entrevista, ao antigo treinador de futebol de Sporting de Lourenço Marques [que pode ser lida premindo AQUI] dei comigo a folhear páginas do meu dossiê, onde guardo os meus artigos e outros textos noticiosos de jornais. Assim, no “Notícias da Manhã” (Lourenço Marques, 15/03/67) foi publicada uma notícia com o seguinte titulo “Colóquio de Treinadores”, e o subtítulo, “Encerrou- se ontem o ciclo de palestras que decorreram em nível elevado”.

Consta da referida notícia, o seguinte texto:

“A sessão abriu com uma palestra gravada proferida em Agosto de 1956 pelo saudoso mestre Cândido de Oliveira aquando da sua visita a Lourenço Marques com a equipa da Académica que infelizmente não pôde ser ouvida na íntegra por deficiência de audição. “Seguiu-se a palestra proferida pelo professor de educação física Rui Baptista, que apresentou um trabalho brilhante. Nos debates que se seguiram intervieram vários dos presentes, sendo de destacar a polémica travada ente o apresentante e o treinador de futebol Nuno Martins, sob certos aspectos de pormenor que resultaram deveras interessantes pelos esclarecimentos de alto índice técnico desenvolvidos pelo professor Rui Baptista.

A encerrar a sessão o presidente da A.P.F.M., Carlos Machado, focou alguns as aspectos das sessões e salientou que as reuniões haviam servido, ainda, para estabelecer um maior nível nas relações humanas”. Relações humanas que me levam a enviar, aqui de Coimbra, um abraço grato a Nuno Martins, um treinador culto, com quem me deu gosto estabelecer a referida polémica, pela troca de conhecimentos (por parte de ambos) de utilidade para a “cientificação” do treinamento dos futebolistas moçambicanos.

Nos dias 15, 16 e 17, desse mesmo mês, era publicado no “Notícias da Tarde”, o texto completo da palestra, repartido por estes três dias devido à sua extensão, com o título “Da Preparação Física do Jogador de Futebol” e o subtítulo “Palestra proferida pelo professor Rui Baptista, no Colóquio de Treinadores de Futebol”. Devido à extensão desses três textos, limito-me a transcrever a respectiva introdução:

“Iniciamos hoje, a publicação do excelente trabalho apresentado ontem, pelo professor Rui Baptista, na sessão de encerramento do Colóquio de Treinadores de Futebol, organizado pela Associação Provincial.

Focando o tema “Preparação Física do Jogador de Futebol”, este brilhante trabalho encerra doutrina que, pelo seu elevado nível, merece ser divulgado na medida em que poderá concorrer para o esclarecimento de problemas de ordem anatómica, biológica, médica, higiénica e genética. Na sua leitura todos poderão colher preciosos ensinamentos especialmente aqueles a quem cabe a elaboração de calendários de jogos, que assim ficam habilitados a poderem compreender o perigo que representa para a saúde dos jogadores a realização de dois, três jogos de competição por semana.

Assim, por julgá-lo de flagrante oportunidade, passamos hoje a publicar este trabalho dum técnico competente e sabedor que, além disso, conhece perfeitamente o meio, tendo, por várias vezes, prestado o seu valioso concurso, quer a Associações, quer a clubes, em diversas modalidades”.

Nesta palestra defendi acaloradamente a integração de exercícios com pesos e halteres na preparação das equipas de futebol, tema considerado tabu naquela época como o era quando ministrei pesos e halteres na preparação física dos nadadores moçambicanos que se deslocaram aos Campeonatos Nacionais de Natação (1958) onde bateram vários recordes nacionais. com grande destaque para a campeoníssima Regina Veloso. Que distância de mentalidades ou alergia aos pesos dos dias em comparação com os dias de hoje em que Cristiano Ronaldo se tornou o paradigma da sua grande importância no desenvolvimento muscular do actual jogador de futebol. Pode ser que um dia destes, escreva um texto a transcrever a defesa que fiz no referido colóquio dos pesos e halteres na preparação física dos futebolistas. Aliás, no campo prático, anos antes, ministrei preparação física com pesos à equipa de futebol do Clube Ferroviário de Moçambique, sendo então treinador Castela, uma velha glória do Belenenses .

Se esta minha modesta contribuição outro interesse não tiver, pelo menos, um terá: noticiar o pioneirismo histórico de Moçambique no campo da preparação física do futebolista com pesos e halteres em território nacional que se estendia do Minho a Timor.

P.S.: A transcrição dos textos jornalísticos foi feita palavra por palavra.

Anúncios

3 comentários »

  1. O facto de no “post scriptum” do meu texto ter escrito que “A transcrição dos textos jormalísticos foi feita palavra por palavra”, obriga-me a uma rectificação.

    Asim, na última linha do 3.º § , onde está escrito “índice táctico desenvolvidas”, dever substituir-se por ” índice técnico desenvolvidos”. Seria arrojo da minha parte(ou mesmo ir meter-me na toca do lobo) tecer considerações tácticas sobre o futebol num colóquio de treinadores desta modalidade e na presença de Nuno Martins, um técnico de cultura humanística e desportiva à sombra da Velha Torre e dos relvados da Briosa. Aliás este colóquio veio na senda da opinião de Ortega y Gasset: “Cultura é, frente ao dogma, discussão permanente”.

    Aproveito a oportunidade para enviar a Nuno Martins um abraço amigo e saudoso dos tempos de Lourenço Marques. Quis o destino que ele fosse de Coimbra para Lourenço Marques. Eu fiz o percurso inverso: vim de Lourenço Marques para Coimbra.

    Comentar por Rui Baptista — Setembro 21, 2011 @ 12:42 pm

  2. As arreliadoras gralhas a pousarem em galhos que não deviam!…Assim, na penúltima linha do antepenúltimo § do meu post, onde está “treinado Castela” deverá ser lido “treinador Castela”.

    Comentar por Rui Baptista — Setembro 24, 2011 @ 1:30 pm

  3. E
    ´com agrado e saudade que vejo esta pagina depois de cerca de 50 anos ex prof RUI e NUNO MARTINS o primeiro na escola industrial o seg. como selacinador de L:M fotb. com a minha presença nesta votos de muita saude

    Comentar por Antero 1º de Maio — Abril 13, 2013 @ 9:05 pm


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com.

%d bloggers like this: